29 de set de 2015

Erro da American Airlines permite compra de passagens de graça ao Brasil

Empresa ainda não informou se bilhetes adquiridos através de seu site no Chile serão respeitados; não é primeira vez que companhia enfrenta este problema.


 Empresa ainda não informou se passagens serão respeitadas  (Foto: Reuters)

Durante o fim de semana, ao entrar na página da empresa, visitantes encontraram passagens geralmente caras vendidas a US$ 0. A situação teria sido causada por uma falha técnica, e não por uma campanha de marketing, e o site da companhia seguia fora do ar na manhã de segunda-feira.
A situação foi compartilhada por clientes nas redes sociais. A jornalista chilena Macarena Carrasco comprou seu bilhete na noite do domingo - mas as passagens estavam disponíveis a preços mais baratos desde a tarde.
Ela comprou bilhetes para Londres, mas disse que muitos outros usuários adquiriram passagens para a Grécia pelo mesmo preço.
Ela disse estar "cruzando os dedos para que a American Airlines respeite às passagens" compradas a esse preço. E, apesar de não haver confirmação de que as compras serão honradas, Carrasco disse poder ver o número de reserva e todo o itinerário de sua viagem.
Não é a primeira vez que a empresa sofre um episódio como este. Em 20 de agosto, vários usuários disseram nas redes sociais que haviam comprado passagens do Chile a Nova York ou Miami por US$ 70. A companhia admitiu o erro.
Será que a American Airlines vai honrar as passagens vendidas neste período?

Nenhum comentário:

Postar um comentário