25 de ago de 2015

Sintomas da Estrongiloidíase

O tratamento para estrongiloidíase é feito através de remédios antiparasitas como o Tiabendazol e o albendazol, que tendem a eliminar as larvas do organismo. 



É recomendado o uso de 400 mg de Albendazol durante 3 dias, porém esse medicamento deve ser evitado por mulheres grávidas ou em fase de lactação.

Fazer exames periódicos de fezes, é uma maneira segura de controlar a doença durante o tratamento. Esses exames devem ser feitos após 7, 14 e 21 dias do começo do tratamento.

Medidas simples devem ser tomadas como forma de prevenir a Estrongiloidíase, tais como evitar andar descalço em solos arenosos, não utilizar fezes como adubo de plantas, ter cuidado ao manipular alimentos e não ingerir alimentos de fontes desconhecidas.

A estrongiloidíase é uma verminose causada pelo parasita Strongyloides stercoralis caracterizada pelos seguintes sintomas:

  •  Alergias na pele;
  •  Anemia;
  •  Hemorragias pulmonares;
  •  Emagrecimento;
  •  Diarreia;
  • Desidratação;
  •  Irritabilidade;
  •  Tosse seca;
  •  Gases;
  •  Falta de apetite;
  •  Náuseas;
  •  Vômitos;
  • Os seres humanos são infectados através da ingestão de alimentos contaminados ou pela penetração direta das larvas na pele.

    Tratamento para estrongiloidiase

    O tratamento para estrongiloidiase pode ser feito com medicamentos como tiabendazol e albendazol que tendem a eliminar as larvas do organismo.

    Prevenção da estrongiloidiase

    A prevenção da estrongiloidiase pode ser feita através de medidas como não andar descalço, ter cuidado ao manipular os alimentos, não ingerir alimentos de fontes desconhecidas e  não usar fezes como adubo, essas são medidas simples, porém determinantes para a prevenção de inúmeras doenças.

    Fonte: http://www.tuasaude.com/tratamento-para-estrongiloidiase/

Nenhum comentário:

Postar um comentário